Histórico: Assim que as relações com os Tibuts foram aprofundando-se e os seres humanos iniciaram intercambio comercial com os Karneficis, houve a necessidade da criação de uma instituição para regimentar e dirimir às questões entre as culturas e as espécies.

 

Fundação:  Daí em 18 de março de 2189 deu-se o início à implantação da Organização Intergaláctica de Planetas; Como primeira ação foi a criação das  Forças Amadas da OIP, para garantir a soberania dos espaços do associados à Organização.

 

Em 2204 a OIP tinha em seus quadros, cinco espécies, 6 sistemas solares e mais 22 colônias.  Qualquer espécie ou sociedade pode fazer parte da OIP, desde que, se adeqüem e respeitem a CONSTITUIÇÃO da OIP.

 

Forças Armadas: As Forças Armadas é constituída pelo exército e pelas forças navais. As Forças Armadas tem um conselho de altas patentes que deve respeitar as diretrizes e comandos da OIP.

 

Organização Política da OIP: Cada sociedade que queira participar da OIP, tem que seguir a Constituição da entidade, que visa preservar as características individuais de cada espécie, no entanto, as relações de comércio, cooperação inter-espacial e diplomacia tem que ser seguidas à risca com a Constituição da OIP.

 

Cada sociedade, tem o direito de 3 cadeiras no conselho da OIP, portanto, o mesmo número de votos para a escolha do presidente da entidade. Cada pasta administrativa é constituída por no mínimo 5 conselheiros, que ficam neste cargo por 8 anos, sem poder  continuar na mesma por período superior. O presidente, é eleito pelo conselho para o período 4 anos, sem direito à reeleição direta.

 

Em caso de, falta de um conselheiro, a sua sociedade deverá indicar outro representante. Na falta do presidente, assume temporariamente o conselheiro mais velho, até que o conselho se reúna para eleger o novo presidente para cumprir o restante de mandato.

By Galaxy Net   -  Todos os direitos reservados  -  Saga Omega - Livro Omega - 1997-2011..